10 DICAS ESSENCIAIS QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE MALDIVAS BARATA

maldivas barata capa 1 800x500 - 10 DICAS ESSENCIAIS QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE MALDIVAS BARATA

Se você chegou aqui buscando dicas para fazer uma viagem Maldivas barata, saiba que fiz uma série de posts aqui no blog sobre o tema que vai te ajudar muitooo nessa organização!

Série Maldivas em modo econômico (é só clicar no post pra ler):

Maldivas em modo econômico: tudo que você precisa saber

Passagem aérea barata para as Maldivas

Ilha Dhigurah – Maldivas em modo econômico

Seguro viagem para Maldivas – como escolher?

Mas, nesse post, quero trazer algumas dicas essenciais que você deve estar ciente antes de fazer uma viagem Maldivas barata, pra estar bem preparado e não passar perrengues nem ter frustrações!

Vamos lá?

Fato 1: O que encarece uma viagem pras Maldivas são as diárias de resorts e os transportes entre as ilhas

As Maldivas são um país formado por mais de mil ilhas. Algumas são ilhas privadas, onde ficam os resorts, e onde se iniciou a atividade turística.

Já as ilhas locais, onde o vive o povo maldívio, teve a atividade turística liberada há menos de 10 anos e começou com os próprios habitantes construindo pousadas simples para abrigar os visitantes.

Portanto, num resort, você terá uma experiência de luxo, e por isso, mais cara. Mas com a possibilidade de visitar Maldivas se hospedando em hotéis e pousadas simples, você vai pagar muito menos, o que torna o destino acessível para os pobres mortais.

Mas o mar é o mesmo? Olha a foto abaixo que você vai se convencer! Mas você precisa entender que as ilhas podem ser diferentes umas das outras, assim como as ilhas de resorts.

Maldives Dhigurah Beach - 10 DICAS ESSENCIAIS QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE MALDIVAS BARATA
Ilha Dhigurah Foto blog: www.myfeetwillleadme.com

Umas tem mais corais, outras tem mais correnteza no mar, algumas tem mais bancos de areia ou faixas mais longas de areia na praia, portanto, o grande segredo é pesquisar bastante antes de definir seu roteiro!

E esse é o motivo de eu estudar esse modo econômico das Maldivas há 2 anos e trazer todas as informações pra vocês, já que eu sei que não tem tanta coisa disponível.

Outro ponto que encarece muito uma viagem ao país são os transportes até as ilhas. Como falei, são várias delas e para chegar a um resort ou a uma pousada em ilha local, você precisará pegar barco ou hidroavião.

Se você estiver em resort, vai pagar por esse transfer marítimo mais exclusivo, que faz parte da experiência luxuosa. Pode até gastar muito mais, se sua ilha for bem distante do aeroporto de Male e for necessário se aventurar num hidroavião.

Mas quem opta pelas ilhas locais tem mais essa vantagem: pode usar o barco público, que apelidei carinhosamente de busão das águas, pois são várias linhas de barco que ligam as ilhas e que tem preços bem mais em conta. Nesse post aqui eu explico tudinho!

Pra você ter uma noção dessa diferença: um resort pode custar a partir de dois mil reais a diária (raridade, pois a maioria custa mais), enquanto a pousadinha, a partir de 200 reais.

O transporte, você pode pagar a partir de 50/100 dólares (300/600 reais) para um transfer resort e no barco público até as ilhas das pousadinhas pagar apenas 1 a 8 dólares (5 a 40 reais).

Nesse vídeo do meu canal do Youtube, eu conto como é uma viagem barata pras Maldivas na prática! É só clicar pra assistir.

Viajar barato para as Maldivas 800x450 - 10 DICAS ESSENCIAIS QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE MALDIVAS BARATA

Fato 2: A religião muçulmana vai interferir na sua viagem

Fazer uma viagem econômica pras Maldivas exige alguns cuidados, já que o país é muçulmano e precisamos respeitar a cultura local nas ilhas locais. Pra resort é diferente, pois as ilhas são privadas e aí, tudo é mais liberado.

muslim 995x750 - 10 DICAS ESSENCIAIS QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE MALDIVAS BARATA

Nas ilhas locais, você não vai poder ficar tomando uma cervejinha gelada ou drink em frente à praia, porque é proibido beber álcool. Mas trago uma notícia boa pra isso: em algumas ilhas, tem uns barcos que funcionam como bar e aí você pode beber lá! Ah, e se fizer um day use em resort, tá liberado também!

Também não vai poder usar sunga/biquíni em todas as partes da praia. Pra isso, o governo determinou trechos das praias específicos pra turista, onde é permitido mostrar o corpinho: são as Bikini Beaches.

Nas ruas não precisa se cobrir todo, mas evite barriga de fora e roupas muito curtas.

Se você for na época do Ramadã (época em que eles jejuam), não vai poder comer ou beber nada em público. Os restaurantes também fecham durante o dia. Só pode depois do pôr do sol. Então, eu evitaria essa época! Em cada ano, essa comemoração cai num período diferente, então vale sempre checar.

O final de semana pra eles é sexta e sábado, sendo que sexta é o dia de descanso, onde muita coisa fecha, inclusive linhas do barco público, então precisa se atentar na hora de pensar no roteiro.

E, por último, se levar bebida alcoólica, imagens de outras religiões, alimentos à base de porco ou algum item de pornografia na sua mala, vai ficar retido no aeroporto, pra pegar só quando for embora do país. Com risco de sumir. Isso vale pra quem fica em resort ou ilha local, tá?

Fato 3: a experiência não vai ser de luxo, mas você pode ter um gostinho

Se você se hospedar nas ilhas locais, não vai ter luxo, embora existam pousadas boutiques, com uma experiência diferenciada.

Mas se quiser sentir um gostinho de resort, mesmo não podendo desembolsar muito numa diária, você tem a possibilidade de fazer um day use em resort.

dicas maldivas barata 2 - 10 DICAS ESSENCIAIS QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE MALDIVAS BARATA
A empresa icom.com é uma das mas conhecidas para passeios por lá.

O day use em resort é como se fosse um passeio de dia inteiro que você faz pra passar o dia curtindo a experiência de um resort. Você vai ter acesso à estrutura dele (praia, piscinas e facilidades), mas não dorme nem acessa os quartos. Muitos incluem refeição e bebidas no valor.

Geralmente custam a partir de 150 dólares/por pessoa, dependendo do resort e distância dele da ilha que você está. Legal, né?

Fato 4: muitas pousadas oferecem café da manha incluídos na diária, então a viagem se torna ainda mais econômica

Na grande maioria das pousadas que já pesquisei, o plano inclui café da manhã, então o valor, que já é baixo, fica muito mais vantajoso, pois você consegue economizar em uma refeição.

E lembrando que você pode comer em restaurantes locais, com refeições (almoço e jantar) a partir de 5 dólares ou comer comida de mercado, que vai ser ainda mais barato!

Fato 5: os passeios são mais baratos em ilhas locais

As atividades para quem vai para as Maldivas são: curtir a praia, seja de resort ou de ilha local e fazer atividades na água, como nados com animais, passeios de barco, visita aos bancos de areia, mergulhos, etc.

dicas maldivas barata 3 1200x674 - 10 DICAS ESSENCIAIS QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE MALDIVAS BARATA
Banco de areia no meio do mar = )

Nas ilhas locais, esses passeios tem valor muito menor que os oferecidos pelos resorts, então mais um ponto pra Maldivas em modo econômico.

Possivelmente em Maafushi os valores serão um pouco mais altos por ser uma ilha mais turísticas, então meu conselho é dividir entre as ilhas os passeios que você deseja fazer. Assim não fica tão cansativo e você economiza.

Se você decidir passar uns dias em algum resort, deixe para fazer os passeios quando estiver nas ilhas locais, porque os valores cobrados pelos resorts são bem mais altos.

Os valores começam em 25 dólares e costumam chegar a 75 dólares por pessoa. Mergulhos ficam entre 75 a 120 dólares, dependendo da região e da duração. O dia de resort varia entre 70 e 200 dólares, dependendo do resort.

Os preços também variam pela duração do passeio. Alguns duram meio dia, outros dia inteiro.

Sempre pergunte na sua Guest House pois provavelmente eles oferecem passeios, mas não custa nada fazer uma pesquisa pela ilha em outras pousadas e até negociar preço. Não esqueça de perguntar o que está incluso.

Fato 6: você pode escolher conhecer várias ilhas numa mesma viagem

São centenas de ilhas locais para escolher, e tudo vai depender do tempo que você tem.

Se tiver pouco tempo, talvez seja aconselhado a fazer no máximo 2 ilhas, ou até ficar apenas em uma e visitar outras mais próximas em algum dia, como por exemplo, se hospedar em Maafushi (a ilha local mais famosa e turística) e fazer um bate e volta a Gulhi (ilha bem pertinho e paradisíaca).

Ou você pode escolher outras combinações como Dhigurah + Fulhidhoo, Maafushi + Thulusdhoo, etc. Lembre-se que tem que verificar se tem transporte entre as ilhas nos dias que você pensou em mudar pra outra e se vai ter tempo suficiente para esses transportes.

dicas maldivas barata - 10 DICAS ESSENCIAIS QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE MALDIVAS BARATA
Essa é a Ilha de Dhigurah (tem post completo sobre a ilha aqui no blog! Foto blog: www.myfeetwillleadme.com

De preferência, é sempre melhor escolher ilhas no mesmo Atol (conjunto de ilhas), ou de atóis próximos, ou que estejam na rota do barco, ou ainda que estejam na mesma direção, pois assim facilita muito sua logística e você tem mais tempo para conhecer mais de uma ilha.

Fato 7: você pode encontrar passagens com ótimos preços pra lá. É só buscar de forma inteligente.

Se a gente caçar voos Brasil x Maldivas (não existe voo direto, mas tem com uma ou duas conexões), você vai encontrar valores a partir de R$4.500, subindo consideravelmente na alta temporada asiática.

Não tem voo direto do Brasil para Male (capital e onde fica o principal aeroporto das Maldivas), então você irá encontrar voos com pelo menos 1 conexão.

Os voos mais confortáveis são os das cias árabes (Emirates e Qatar), que fazem uma parada antes do destino final, mas eles costumam ser os voos mais caros. Porém, dá reduzir bastante esse custo se você buscar voos separados.

Aqui nesse post eu dei detalhes de como fazer essa busca, com tutoriais! Clica aqui pra ver.

Fato 8: tem uma época mais barata pra fazer essa viagem

A melhor época pra ir é entre novembro e abril, pois esse são os meses com clima estável e pouca chuva.

A Ásia tem um fenômeno natural chamado de monções, quando podem acontecer grandes tempestades em várias regiões do continente. Nas Maldivas, não há registros de grandes chuvas, então até rola ir fora da temporada, mas sabendo que pode chover em algum momento.

Os preços na época das monções são ainda mais baratos, mas dou uma dica, se você não quer correr o risco de pegar um tempo ruim, e ainda quer tentar pegar valores mais baratos: tente ir nos meses intermediários, ou seja, de mudança de uma época pra outra.

Maio e outubro podem ser meses interessantes pra essa estratégia!

Fato 9: dá pra ir sozinho e aproveitar bastante

Eu sei que quando a gente pensa em Maldivas, já imagina logo os casais em lua de mel, mas a vibe das ilhas locais é bem diferente! Claro que você pode comemorar seu casamento nelas, mas se você for sozinho também vai se sentir muito bem.

dicas maldivas barata 1 - 10 DICAS ESSENCIAIS QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE MALDIVAS BARATA
Foto blog: www.myfeetwillleadme.com

Mas entenda que, até por conta da cultura e da religião, você não irá encontrar um lugar de festa, com várias baladas e bares para curtir e paquerar. Então vá com essa mentalidade.

É super seguro também, principalmente se você pensa em ir sozinha e não sabe o que vai encontrar.

Os maldívios são bem simpáticos, mas em algumas ilhas menos turísticas, por não estarem acostumados, podem ficar mais tímidos. Mas em várias ilhas eles são curiosos e até interagem.

Fato 10: a internet é mara mesmo sendo uma ilha

Muita gente pode pensar que não vai rolar internet de qualidade por lá, certo? Ainda mais nas ilhas locais, que não tem tanta estrutura.

Porém, no mundo globalizado de hoje, internet sempre é um bem desenvolvido em qualquer parte do globo. E nas Maldivas não seria diferente! Então fique tranquilo que vai rolar uma boa conexão pra você subir suas fotos e stories azuis.

chip - 10 DICAS ESSENCIAIS QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE MALDIVAS BARATA
Loja da Operadora Dhiraagu no aeroporto de Male (MLE)

A grande maioria das pousadas tem wi-fi, mas você pode comprar chip de telefone no aeroporto mesmo. As operadoras de lá são Dhiraagu e Ooredoo, e você pode comprar um chip pra 7 dias, com 15 GB por 22 dólares.

E aí? Ficaram surpresos ou já sabiam desses detalhes da versão barata de Maldivas? Se você ainda tem dúvidas das dicas de Maldivas barata, é só mandar aqui nos comentários!

E se quer ainda mais dicas de Maldivas barata e outros destinos, é só me seguir lá no Instagram (@allweneedistravel.br) que todo dia eu tô lá compartilhando sobre viagens e destinos!

Beijos,

Flavia Goulart

Autor: Flavia Goulart

Flavia Goulart é carioca e ama viajar, principalmente sozinha. Desde nova sonhava em conhecer o mundo e transformou isso em um estilo de vida. Com 33 anos já conheceu 32 países e sua meta é continuar conhecendo lugares, culturas e pessoas.